sexta-feira, 27 de março de 2009

POESIA


DESEJOS

Eu queria ter os olhos
Semelhantes aos lírios do campo
E olhar para uma alma descrente
E contagiá-la a viver.
A ter certeza de que a vida é esperança
Que é possível a imagem lúcida de uma vida
Sem a necessidade de crucificá-la.
E que a solidão não seja a perdição
Para a salvação da alma.

Eu queria ouvir uma palavra amiga
Que me desse bons conselhos.
E sem se ater em revelar as proezas do espírito
Nas manifestações lúdicas
Da sabedoria nas pequenas coisas
Que abrandam a melancolia
Através de uma chama constante de alegria.

Eu queria ter olhos irresistíveis
Que enxergassem além de minha descrença
Nas realizações mundanas.
Se eu pudesse enxergar da minha janela
A metamorfose de uma borboleta voando livre
Em poucos segundos soltaria a voz de triunfo.

Eu queria que meus olhos fossem espaços
E não fragmentos olhando para o céu.
Bom seria nem imaginar a cegueira!
Esquecer que existo ou manifestar minha fé
É uma chama que me consome
Se de meus olhos pudessem recolher
A sensibilidade que existe nas pequenas coisas
Ao menos um poeta eu seria
Em minhas breves aparições.
IMAGEM:

5 comentários:

  1. Obrigada pela visita e pelo comentário :)

    Apareça sempre.

    Um abraço

    ResponderExcluir
  2. Oi, Antônio!
    Vim retribuir a visita e me surpeendi com as palavras deste poema, que fala sobre temas especiais em meu universo. Adorei! Ah, gracias pelas palavras gentis do teu comentário no Além do Horizonte. Valeu!
    Um abraço,

    ResponderExcluir
  3. António,

    Um poema de todos nós!
    Todos o sentimos porque de uma forma ou de outra todos temos esses desejos.

    Abraço

    ResponderExcluir
  4. Olá Antônio!

    Mais do que enxergar "fora", é enxergar "dentro".
    Se de dentro trazemos coisas boas, há sempre uma coisa boa para se ver, mesmo nos piores desastres.

    Eu simplesmente amo suas poesias.
    Beijos
    Nina

    ResponderExcluir

CONTADOR ONLINE

PREVISÃO DO TEMPO

RELÓGIO

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
Meu nome é Antonio, sou professor de Português e Literatura, gosto de ler, escrever, assistir a bons filmes, de futebol, de arqueologia, de história, filosofia, de mitologia, de informática, de astronomia, de manifestações culturais locais,de boas amizades, de falar e ouvir, enfim...